quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Livro: O Bem-Amado - Dias Gomes


Dias Gomes (1922-1999) foi um dramaturgo e novelista brasileiro. É autor de novelas que fizeram grande sucesso na televisão, entre elas, “O Bem Amado”, “Roque Santeiro” e “Saramandaia”.


Como estava com saudades de falar sobre livros por aqui. O livro de hoje é uma comédia de costumes, gênero do teatro brasileiro, que trata da sátira de algo que acontece na nossa sociedade no formato de peça teatral.

O Bem-Amado vai contar a história da cidade de Sucupira que não tem cemitério. Toda vez que alguém morre é um transtorno, pois tem que ir para cidade vizinha para realizar o enterro. Com isso, o candidato a futuro prefeito da cidade, Odorico Paraguaçu, vai prometer que se eleito vai construir um cemitério para cidade. Ele tem uma frase no livro que diz: "Uma cidade que não respeita seus mortos, como pode ser respeitada pelos vivos".

Odorico é eleito e finalmente constrói o cemitério. Acompanhamos tudo isso com muito caixa dois, obras superfaturadas, desvio de dinheiro, etc. (não muito diferente do que vemos hoje em dia). Quando a obra fica pronta, Odorico não consegue inaugurá-la, pois ninguém morre na cidade. Ele já tinha espalhado para Deus e o mundo que a inauguração do cemitério seria realizado com um enterro custeado pela prefeitura, e se isso não acontecesse seria passar atestado de inutilidade.

ONDE COMPRAR O LIVRO: AMAZON

Nenhum comentário:

Postar um comentário